segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

# CONVERSA 04

#Conversa 04      

Agora imagina eu estar aqui... Dizendo que te fodo contra a parede... Que me enterro todo em ti, que te uso como uma puta cheia de tesão... Que me venho na tua boca... 
-Estou rindo
-Queres?
-Eu quero e tu queres
-Dispo-te, acaricio todo o teu corpo, lambo-o iniciando no dedo grande do pé e subindo lentamente, muito lentamente...Parando na curva da perna...
Mordendo por detrás do joelho...Subo rodando toda a coxa...Enroscando o meu corpo em volta dela como uma cobra...Pressionando os teus músculos;
Passo a língua na tua buceta, já escorrendo... luzindo...E subo repentinamente! Paro no umbigo, rodopio a língua numa dança vertiginosa... E, muito lentamente de novo, subo até os peitões... E mordisco esse mamilo enorme...
-O mamilo...
-Sugo-o
-Passas a língua, levezinho, suave...
-Subo e lambo..., sugo..., mordo... o pescoço, a nuca 
E desço pela espinha até o cu...
-Posso esfregar na tua cara?
-Deves! passo a língua pela entrada do ânus, introduzo-a ligeiramente... E finalmente, mergulho na tua xoxota!Lambo, chupo, aperto o clitóris entre os lábios...Sugo-o...Lambuzo-me no teu prazer
-Estou molhada
-Introduzo um dedo... Dois... E tu empurras o corpo contra mim pedindo mais... Encontro o ponto G... A tua lubrificação pede que te preencha... E tu gemes de tesão! E com a xoxota bem molhada e aberta, duma vez só, Enterro o meu caralho em ti!Sinto-o bater na entrada do útero e provocar-te um arrepio...Cruzas as pernas em volta de mim e puxas, queres que entre todo.
-Continua, estou adorando...
-Mordes-me o pescoço... Arranhas-me as costas...Gemes...
-Cravo unhas
-Pedes que te foda com força
-Não paro de gritar  
-E eu agarro-te pelo rabo e fodo você contra a parede!
As tuas costas batendo com força...Puxas-me os cabelos e procuras a minha boca...E introduzes a língua ao mesmo ritmo que eu te fodo...Como se de uma roda de sexo nos percorresse... Um círculo mágico de prazer
E de repente faço-te erguer um pouco e saio de ti... E no movimento descendente encaixas-te perfeitamente nele... Abrindo o cú e suspirando de tesão...
-Hummm entra todo...-Entra todo nesse cú!
-Tás muito duro?
-Nem imaginas...
-Muito, muito?
-Desertinho para te foder 
-Quero mamar sua rola, posso?
-Deves...Cospe-o, molha-o, chupa-o, lambe-o
-Quero-te foder! Chupa-me...Quero foder a tua boca... Enrolar-te os cabelos e pressionar-te a cabeça contra o meu caralho
-Hummm... Gostaria muito!





Nenhum comentário:

Postar um comentário